Sete passeios para fazer em Salvador

Tempo de leitura: 6 minutos

Salvador é uma das cidades mais bonitas do Brasil. A capital Baiana tem dezenas de atrações turísticas e belos lugares que todos turistas têm muita vontade de conhecer. Além do povo baiano, da culinária, das praias e do calor, Salvador é uma cidade repleta de histórias, cultura e muito mais. Hoje, nesse artigo, queremos dar dicas de sete passeios que você deve fazer no município. Confira:

1 – Pelourinho:

Nenhum outro lugar reflete tão bem a alma da Bahia quanto o Pelourinho. Considerado Patrimônio da Humanidade pela Unesco, o bairro na Cidade Alta, tem mais de 800 casarões dos séculos 17 e 18. Vielas, ladeiras e largos concentram igrejas, museus, restaurantes, lojas e gente de Salvador, do Brasil e do mundo. Com certeza é um dos principais passeios que você tem que fazer na cidade! Separe um dia todo para conhecer tudo que puder do bairro Pelourinho!

2 – Noite no Rio Vermelho com Acarajé:

Salvador tem uma barraquinha de acarajé em cada esquina, mas para experimentar os quitutes preparados pelas baianas mais famosas da capital siga para o bairro do Rio Vermelho. Durante à noite você poderá provar a iguaria e ainda fazer um passeio muito bacana em família!

3 – Solar do Unhão / Museu de Arte Moderna da Bahia:

Um dos mais belos conjuntos arquitetônicos às margens da Baía de Todos-os-Santos, o Solar do Unhão abriga o Museu de Arte Moderna da Bahia, reunindo mais de duas mil obras de pintores brasileiros como Di Cavalcanti, Portinari e Tarsila do Amaral. Construído no século 17, em alvenaria de pedra, para ser a residência do desembargador Pedro Unhão Castelo Branco, o solar foi adaptado para fins comerciais, sendo composto por casa-grande, senzala, capela, armazém e cais.

4 – Igreja do Bonfim:

A igreja do Senhor do Bonfim, com certeza, é a mais famosa de Salvador em função da tradicional “Lavagem do Bonfim”, comemoração marcada pelas baianas jogando água nos degraus do templo em uma festa que dura o dia inteiro, animada por blocos de afoxé.

5 – Elevador Lacerda:

A maneira mais original de circular entre a Cidade Alta e a Cidade Baixa é através do Elevador Lacerda, um dos marcos da capital baiana inaugurado em 1872. Com 72 metros de altura, liga a Praça Tomé de Souza (parte alta) à Praça Cairu, onde fica o Mercado Modelo. Restaurado em 2002, ganhou nova iluminação noturna e janelas panorâmicas que descortinam o cais e o mercado. São quatro cabines, sendo que a 1 e a 2 são originais, utilizadas desde a inauguração. As de número 3 e 4 são da obra de 1930. As viagens duram cerca de 30 segundos e transportam uma média de 20 mil pessoas por dia.

6 – Ponta do Humaitá:

Um dos lugares mais charmosos de Salvador – com privilegiada vista da Baía de Todos-os-Santos e um pôr do sol espetacular – ainda é pouco explorado. Escondida na península de Itapagipe, na Cidade Baixa, reúne um pátio, uma igrejinha, um convento e um farol – arquiteturas típicas da capital baiana. A Ponta do Humaitá fica perto do Forte de Monte Serrat ou São Felipe.

7 – Arena Fonte Nova:

O estádio foi um dos primeiros a serem inaugurados no país para receber a Copa do Mundo de 2014. A arena multiuso oferece o Tour 100%, com visitas guiadas pelo estádio e bastidores. O passeio acontece diariamente e dura 1h15.

Agora que você já sabe alguns passeios que deve fazer em Salvador, vamos dar dicas de onde se hospedar na capital baiana!

Onde se hospedar em Salvador – Hotel Nacional Inn:

 

Localizado na Avenida Octávio Mangabeiras, 197, Pituba, o hotel fica de frente para a Praia de Pituba e da linda orla da capital baiana. A unidade está ainda a sete quilômetros do Farol da Barra, a quatro do Terminal Rodoviário, a 14 do Pelourinho e a 22 quilômetros do Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães.

 

O Nacional Inn Salvador disponibiliza 45 apartamentos nas categorias Standard, que estão divididos em três andares. Todas acomodações são em piso frio, com ar-condicionado, frigobar, TV a cabo, telefone e estação de trabalho. As instalações são versáteis e podem acomodar de uma a três pessoas com camas box de solteiro e de casal. Em alguns dos apartamentos é possível ter uma vista privilegiada para a orla de Salvador. A recepção tem secadores de cabelo para uso dos hóspedes.

 

A área de lazer do hotel conta com uma piscina com vista para o mar. Como cortesias a unidade oferece internet Wi-Fi, estacionamento coberto e um café da manhã caprichado com mais de 30 itens entre bebidas quentes, sucos, pães, cereais, manteiga, geleias, laticínios, frutas e bolos. A primeira refeição do dia no Nacional Inn Salvador proporciona aos hóspedes a oportunidade de conhecer pratos típicos da região, como o cuscuz para os hóspedes.

 

Onde se hospedar em Salvador – Hotel Golden Park:

 

O Golden Park Salvador fica na Avenida Manoel Dias da Silva, 979, na Praia da Pituba. O hotel fica a quatro quilômetros do Terminal Rodoviário e a 22 quilômetros do Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães. Nos arredores do hotel estão o calçadão, quadras e o Jardim dos Namorados. O cenário é excelente para diversas atividades como: caminhadas, prática de atividades físicas ou um passeio na orla.

 

O hotel conta com 116 apartamentos na categoria Standard. Eles são divididos em seis andares que podem ser acessados por três elevadores. Todos quartos são em piso frio com ar-condicionado, frigobar, TV a cabo, telefone e estação de trabalho. As acomodações podem receber até três pessoas. As camas são box de solteiro e de casal. A recepção do hotel conta com secadores de cabelo para uso dos hóspedes e o hotel disponibiliza serviço de lavanderia terceirizado. A unidade é preparada para receber pessoas com alguma necessidade especial.

 

A área de lazer do Golden Park conta com uma piscina e um American Bar, que fica aberto durante à alta temporada. Quando em funcionamento, o American Bar serve coquetéis de frutas e drinks alcoólico como a tradicional caipirinha.

 

Como cortesias o hotel oferece internet Wi-Fi, estacionamento coberto e café da manhã especialmente preparado com mais de 30 itens. O cardápio da primeira refeição do dia é recheado de opções: bebidas quentes, sucos, pães, cereais, manteiga, geleias, laticínios, frutas, bolos, além de pratos típicos da região como o cuscuz nordestino e a tapioca. Na unidade há, ainda, um restaurante com cardápio à la carte, com o melhor da culinária brasileira e uma pitada especial do tempero baiano.

 

Essas foram nossas dicas! Agora é só agendar uma data ideal e aproveitar tudo que Salvador pode oferecer!

 

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.